Anahp amplia seu escopo de atuação no mercado da saúde


Associação inova mais uma vez e apresenta novidades para o mercado. A partir de agora empresas de atenção domiciliar poderão ser afiliadas à entidade

Associado Titular, Associado e Afiliado. Estas serão as novas categorias de entidades membros da Associação Nacional de Hopitais Privados (Anahp) a partir de janeiro de 2015. A reforma estatutária foi aprovada no último dia 03 de dezembro, durante Assembleia Geral Extraordinária.

A partir de agora, para se associar na categoria Associado Titular, as instituições hospitalares devem possuir ao menos uma das acreditações de excelência reconhecidas, entre elas a brasileira ONA Nível 3 (Organização Nacional de Acreditação), ou as americanas JCI (Joint Commission International), ou NIAHO (National Integrated Accreditation for Healthcare Organizations), ou ainda a canadense Accreditation Canada.

A categoria Associados contempla as instituições hospitalares que ainda não possuem as condições para serem caracterizadas como Associados Titulares, mas que se comprometam a adotar as medidas necessárias para adquirir a certificação de qualidade no prazo de quatro anos.

A grande novidade fica a cargo da categoria Afiliados, que passa a contemplar as empresas de atenção domiciliar. Em 2014 a Associação estabeleceu um grupo de estudos para discutir a atenção domiciliar no país a partir do envelhecimento da população, da mudança do perfil clínico e epidemiológico e do estímulo à desospitalização. A entidade percebeu que a melhor maneira de buscar uma alternativa viável para o setor era a aproximação com as empresas que proporcionam esse tipo de atenção.

A representatividade regional da Anahp também sofreu modificações estatutárias. A partir de 2015 a região Norte, que antes possuía representação no Conselho de Administração juntamente com a região Nordeste, passará a compor o Conselho com a região Centro-Oeste e Distrito Federal. “Em 2014, a região Nordeste aumentou significativamente a sua representativa em termos de instituições membros e, por essa razão, a participação da região Norte passará a ser contabilizada juntamente com outras regiões em que a Anahp possui menos instituições membros. Trata-se de uma alternativa para manter um Conselho democrático, com representação nacional”, afirma Francisco Balestrin, presidente do Conselho de Administração da Anahp.

Informações para Imprensa
WN&P Comunicação

Acácia Paes (acacia.paes@wnp.com.br)
Paulo Augusto (paulo.augusto@wnp.com.br)
Tels.: (11) 3178-7444 ramal 318 | 5095-2660  
SP 12/2014

Faça o seu comentário:
Nome:
Empresa:
Fone: ( )
E-mail:
Comentário:
 


 
Dados utilizando nova metodologia de início tardio sugere benefício do tratamento precoce com solanezumabe em pacientes com doença de Alzheimer leve

Planos de Saúde estudam como enfrentar multas e penalidades da ANS

Justiça força ANVISA a corrigir prazo de cadastramento de equipamentos médicos

Planos de Saúde estudam como enfrentar multas e penalidades da ANS

    Todas Notas